Por que incomodaria?

Meu cabelo está crescendo,  e apesar de eu ficar extremamente chateada com o fato de crescer-enrolar num looping sem fim, eu tenho gostado do jeito que ele está. Talvez porque finalmente eu o reconheça como meu, pq finalmente eu olho no espelho e não sinto nada como “ain, esse cabelo não combina”, talvez pq não ter a obrigação de passar prancha é a melhor coisa da vida. Enfim.

Maaaaas nem tudo são flores.

Ontem minha irmã pediu pra pegar. Ela não passa mais de uma semana sem pedir pra pegar, ainda não sei qual o mistério. Enfim. Pediu pra pegar, e eu deixei. Ok. Puxou, repuxou, perguntou se incomodava. E a única coisa que eu pensei, e perguntei, foi porque incomodaria?!?!?! Ahhhh tão pro alto, tão cheio, cabelo na orelha”. 

Na hora eu fiquei quieta, como geralmente faço. Odeio brigas gratuitas, ainda mais quando não há vencedores. Ela está sempre certa, eu certa sempre estou. Mas agora, ao olhar no espelho,  vejo que meu cabelo se transformou naquilo que eu mais tinha medo quando cortei, pro alto e cheio.

E vi que isso não me incomoda. Eu gosto dele assim. Eu gosto de amassar o cabelo, gosto de desmanchar os cachos, gosto de puxar e desfazer, gosto de pular e ver o cabelo mexendo e até de vê-lo todo pro alto. Pq combina comigo, com minha cara. Combina com a pessoa que estou me tornando.

Não sei explicar,  só sei que gosto do que vejo no espelho agora. Mais do que antes.

Minha irmã me olha estranho sempre que me pergunta se não me incomodo com o cabelo e eu respondo não. Eu olho estranho pra todas as minhas fotos de antes.

Anúncios

Das coisas que eu não aprendo

Não corte seu cabelo sozinha.

Eu falo isso desde sempre. Desde que me entendo por gente eu corto meu próprio cabelo, e desde esse tempo não dá certo. Depois de perder mais centímetros do que o necessário (pq obviamente eu corto, acho que tá torto, vou acertar e faço mais merda, num ciclo sem fim) eu olho no espelho e me prometo não mais cortar o cabelo sozinha, coisa que eu nunca cumpro.

Tranças Nago

Adorei o resultado ^^

image

Vou usar por mto tempo!

;))))

Big Chop: Experimenta, experimenta!

Se tem uma dica que eu posso dar pra todo mundo que está na fase do pós Big Chop, é essa: EXPERIMENTA!
Sério, gatos e gatas, ler blogs, assistir vídeos, falar com outras crespas / cacheadas ajuda, mas o experimenta é bem melhor.
Primeiro, cada cabelo é um cabelo. Não é porque o creme X ficou um arrazo no cabelo da filha da madrinha da cunhada da sua vizinha que vai ficar bom no seu. Então, antes de fazer um estoque pra um milênio dele, compra um potinho pequeno, testa de tooodas as formas possíveis!
Segundo, cada um tem uma rotina. Às vezes a colega tem tempo de dar 20 massagens por semana, você não. Paciência.
Terceiro, cada um sabe onde quer chegar. Se você AMA cabelo cheio, não pode ir pelas dicas dazamiga que gostam dele comportadinho, né?

Então gatx, faz o seguinte:
Leia muuuuito os rótulos, eles dizem muito a respeito do creme!
Monte um diário básico, contando as combinações que você fez (creme Y + óleo Z como massagem, finalizei com creme D) e o resultado (Maaaaara, mt bom, nunca mais). Ok, dá trabalho, mas saber o que fica bom no SEU cabelo é fundamental.
Tenha paciência, sério. Descobrir seu cabelo é um exercício de paciência, mas vale super a pena!

;))))

Cabelo, cabelo meu

Passando pela transição. Não é um mar de rosas, mas a certeza de estar fazendo o certo me acalma. Hahahaha
Espero que chegue logo o fim do ano, pra dar um corte nessa parte seca, feia, alisada. E que venha meu crespo, meu eu *.*